F8 2018: Todas as novidades anunciadas no Facebook for Developers

DIA 1

Aconteceu hoje, feriado de 01 de maio no Brasil e mais um dia comum em San Jose, na Califórnia, a conferência anual realizada para desenvolvedores do Facebook, a tão sonhada F8 que sim, eu gostaria muito de estar lá. É um momento de maior interação entre plataformas e público especializado que pode ver de pertinho, CEOs famosos de toda a Família Facebook, que integra: Messenger, Instagram e WhatsApp.

Mark Zuckerberg deu as boas vindas em um discurso super simpático, sincero e acolhedor. Em diversos momentos, usou referências da própria família para contar histórias e se aproximando ainda mais das pessoas. Claro que se trata de uma excelente estratégia para melhorar sua popularidade em tempos de crise. Mas, o fato é que de vivemos anos históricos e o posicionamento dele está sendo bem digno de coragem. Mark Zuckerbeg falou ainda sobre como a empresa está tendo uma visão mais ampla da sua responsabilidade, não somente fornecendo às pessoas novas ferramentas, mas garantindo que estas sejam utilizadas para o bem. Caso queira saber mais sobre o caso da Cambridge Analytica, clique aqui!

Se eu conseguisse resumir tudo que rolou certamente terminaria em um infográfico como esse: Mídias Sociais + Conectividade + Inteligência Artificial + Realidade Aumentada = Futuro. Ao menos, futuro que o Facebook deseja construir pra gente.

resumo_facebook_developers_f8_01

Facebook

Clear History
Esse recurso vai permitir que você veja os websites e aplicativos que enviam suas informações, sendo possível excluir essas informações da conta e desativar a capacidade do Facebook de armazenar essas informações de forma associada à sua conta no futuro. Isso significa que se você limpar seu histórico ou usar a nova configuração, o Facebook vai remover as informações de identificação para que um histórico dos websites e apps que você usou não seja associado à sua conta. É bem parecido com o “apagar histórico de navegação” do Google Chrome, por exemplo. O Facebook disse que ainda vai levar alguns meses para a construção do recurso “Clean History”, porque vai trabalhar com especialistas em privacidade, acadêmicos, formuladores de políticas públicas e reguladores para obter informações sobre a abordagem.

Grupos
Uma das grandes apostas do Facebook é a utilização dos grupos. Todas as páginas tem a possibilidade de criar um grupo chamado “Comunidade”, estrategicamente é altamente recomendado porque o alcance orgânico é muito maior que o da página propriamente. Por isso, o Facebook anunciou uma nova aba exclusiva que vai ajudar você a navegar com mais facilidade pelos grupos que você já participa e a interagir com o conteúdo de todos os seus grupos. Ainda este ano, você poderá descobrir e participar de novos grupos por meio dessa aba.

Paquera
Lá vem o Tinder do Facebook. Sim, é real e é insano o que eles vão fazer com esse recurso focado em paquera e relacionamentos. As pessoas poderão criar um perfil de namoro separado do perfil do Facebook – e as possíveis correspondências serão recomendadas com base nas preferências de namoro, interesses semelhantes e amigos comuns. As pessoas terão a opção de descobrir outras pessoas com interesses semelhantes por meio de seus Grupos ou Eventos. Isso mesmo! Se você tiver um perfil no recurso e confirmar presença em um evento, é possível conhecer o crush antes mesmo de ir, marcar encontrinho e tudo mais. No entanto, o que as pessoas fazem dentro do recurso de namoro não será mostrado para seus amigos. Informações detalhadas somente quando os testes começarem, a expectativa é que aconteça ainda este ano.

Resposta a Crises
No ano passado, O Facebook anunciou a criação de um centro onde as pessoas podem obter informações sobre crises recentes e acessar o Safety Check, o Community Help e o Fundraisers. Você já deve ter sido notificado por algum amigo que estava próximo à uma tragédia, como o desabamento do prédio no centro de São Paulo, que aconteceu hoje. O Facebook oferece às pessoas que estão próximas a esse endereço, a oportunidade de notificar seus amigos de que está tudo bem. Hoje eles apresentaram um novo recurso que vai permitir que as pessoas afetadas por uma crise compartilhem em primeira mão informações oportunas, como fechamento de ruas e fotos e vídeos dos locais do incidente, tornando mais fácil a obtenção de atualizações em tempo real. O recurso será lançado no fim deste ano.

Doações de Sangue no Facebook
Recentemente, o Facebook lançou um recurso na Índia, em Bangladesh e no Paquistão para que as pessoas se registrassem como doadoras de sangue. “Sabemos que os doadores querem ajudar sua comunidade, mas muitas vezes não sabem quando ou onde doar. Então, hoje, estamos anunciando Doações de Sangue no Facebook para tornar mais fácil para as pessoas que querem doar encontrar oportunidades nas proximidades.” Que amor! <3 Por enquanto, a novidade vai chegar apenas nessas localidades.

resumo_facebook_developers_f8_recursos_india

Investindo na Comunidade de Desenvolvedores
O Facebook reabriu o processo de revisão de aplicativos depois de fazer algumas alterações para torná-lo mais abrangente e fundamentado em garantir que cada uma de suas APIs crie valor para as pessoas, seja transparente e confiável. Eles não querem se envolver em mais nenhum escândalo. O processo mudou um pouco, pois agora o Facebook exige uma verificação da empresa que desenvolveu o aplicativo e que precisam de acesso a APIs especializadas ou a permissões de login estendidas.

resumo_facebook_developers_f8_08

Watch Party
O novo recurso vai permitir formar grupos e seus membros poderão assistir a vídeos ao mesmo tempo, enquanto interagem entre si. A ideia é transformar o simples “assistir a um vídeo” em uma experiência social divertida. Tanto é que o Mark Zoeiro usou seu próprio vídeo depoimento ao Senado pra assistir com os “amigos” que estavam na plateia.

resumo_facebook_developers_f8_07

Instagram

resumo_facebook_developers_f8_09

Compartilhar no Stories
A ideia é tornar a experiência de compartilhar histórias ainda mais rápida, fácil e criativa, características que norteiam as estratégias de produção de conteúdo direcionadas pra essa plataforma. De um adesivo da sua nova música favorita no Spotify a imagens de ação da GoPro, vai ficar fácil compartilhar o que você está fazendo ou como está se sentindo ao postar diretamente no Instagram Stories de outros apps. Basta tocar no botão de compartilhamento no aplicativo Spotify ou GoPro e seu conteúdo é puxado diretamente para a câmera do Instagram. A partir daí, você pode editar e adicionar à sua história ou enviá-la via Direct. Você não precisa conectar sua conta do Instagram a outros aplicativos para compartilhar em Histórias. Mais aplicativos vão adicionar o recurso de compartilhamento ao Stories em breve. 

Efeitos de câmera para Instagram 
Para criar experiências ainda mais exclusivas e interativas, o Facebook anunciou a plataforma de realidade aumentada para câmera usando o AR Studio, incluindo filtros de rosto e efeitos do mundo todo. Recurso já disponível no Facebook e estendido para o Instagram, possibilitando a criação de molduras simples até mesmo efeitos especiais.

cam1

Chat por Vídeo 
Mais de 100 milhões de usuários do Instagram assistem ou compartilham no Live todos os dias e incentivados por isso, lá vem o bate-papo por vídeo que em breve estará disponível no Instagram Direct e dará autonomia a conversas entre duas pessoas e em grupo. Vai ser possível minimizar a conversa pra continuar navegando pelo Instagram, copiar links e enviar mensagens para o grupo.

resumo_facebook_developers_f8_02

Novo Explore
O novo Explore vai organizar o conteúdo sugerido em canais de tópicos relevantes, tornando mais fácil do que nunca navegar por seus interesses, indo mais fundo em qualquer área específica. Tá bem parecido com o Pinterest, caso alguém use vai reconhecer de onde veio a “inspiração” do Instagram. Está em fase de teste e em breve será lançado globalmente.

explore_722

Só pra registrar, o que foi essa belezura que e o @JiffPom fazendo uma participação especial revelando os novos filtros de realidade aumentada do Instagram. Momento fofura total!

dogjiff_facebookdevelopers

WhatsApp

Chamada do Grupo e Stickers no WhatsApp
As chamadas por voz e vídeo são muito populares no WhatsApp e as chamadas em grupo estarão disponíveis nos próximos meses. Stickers também estarão no WhatsApp em breve.

resumo_facebook_developers_f8_10

Messenger

resumo_facebook_developers_f8_11

Realidade Aumentada
Foi lançada a  possibilidade de as marcas integrarem os efeitos de Realidade Aumentada da câmera à sua experiência no Messenger. Esse recurso, lançado em versão beta, ajuda as pessoas a obter feedback valioso e instantâneo sobre compras e muito mais. Os desenvolvedores poderão criar experiências que permitam às pessoas personalizar ou experimentar produtos, interagir com novos produtos ou simplesmente se expressar de uma forma divertida.

Traduções da M
Compradores e vendedores no Marketplace, um lugar no Facebook para comprar e vender coisas localmente, poderão se comunicar em idiomas diferentes com sugestões da M para traduções. Agora, quando as pessoas que se conectam pelo Marketplace receberem uma mensagem em um idioma diferente do seu idioma padrão no Messenger, a M perguntará se deseja traduzir a mensagem. No lançamento, as traduções do Inglês para o Espanhol (e vice-versa) estarão disponíveis nos Estados Unidos. A expectativa é expandir esse recurso e, gradualmente, lançar sugestões de traduções da M para pessoas que usam o Messenger nos EUA nas próximas semanas.

Realidade Aumentada – Realidade Virtual

Ampliando o alcance da Realidade Virtual
Eis que o Facebook apresentou uma nova maneira das pessoas se expressarem e se conectarem com amigos e familiares.

Vale ressaltar que todos da plateia ganharam um Oculus Go: O primeiro headset VR autônomo da Oculus, que já está disponível a partir de US$ 199 e já tem com mais de 1.000 aplicativos, jogos e experiências.

resumo_facebook_developers_f8_05

Novos aplicativos para experiências compartilhadas de Realidade Virtual: O Facebook está implementando novas maneiras de experimentar a Realidade Virtual com amigos e se conectar com seu entretenimento favorito. O Oculus Venues, por exemplo, é o ingresso para eventos sociais em Realidade Virtual, incluindo shows, esportes e espetáculos de comédia com amigos e milhares de outras pessoas.

Oculus Rooms, originalmente lançado para o Gear VR, foi redesenhado com o lançamento do Oculus Go e permite que amigos joguem jogos de tabuleiro, assistam a filmes e muito mais.

A Oculus TV oferece uma grande TV virtual, onde você pode assistir a conteúdo ao vivo ou sob demanda – e permitirá que até quatro pessoas assistam juntas, a partir dos próximos meses. O Oculus Venues e a Oculus TV serão lançados no fim deste mês.

resumo_facebook_developers_f8_06

Mais formas imersivas para compartilhar: Recentemente, o Facebook introduziu as publicações em 3D e anunciou que as pessoas em breve poderão levar objetos 3D do Feed de Notícias para experiências de Realidade Aumentada da Câmera do Facebook com um toque.

Também foi anunciado o 3D Photos, com lançamento previsto para os próximos meses – este é um novo tipo de mídia que permite que as pessoas capturem momentos 3D usando um smartphone e compartilhem no Facebook.

Sobre o futuro

E se você quiser dar uma espiadinha no futuro, pra descobrir como será nossa interação daqui alguns anos, assista como será o recurso em desenvolvimento chamado Point Cloud. Trata-se de uma de uma forma de recriar memórias no qual o algoritmo poderá converter uma foto ou vídeo 2D em um ambiente tridimensional virtual através da reconstrução de nuvem de pontos. Ele usa a fotogrametria para criar espaços 3D a partir de fotos ou vídeos planos. Isso significa que no futuro, você poderá transformar uma foto da comemoração do seu aniversário, que aconteceu na sua casa, em uma recriação virtual do ambiente em que ele foi realizado.

Algumas pessoas puderam acompanhar uma demonstração e relataram uma sensação incrível de sonho e hiper realista com detalhes jamais percebidos em uma simples foto. Porém, trata-se apenas um protótipo e por enquanto não existem planos do Facebook fazer implementações específicas. No futuro, a empresa espera ajudar as pessoas a compartilhar momentos de “maneiras novas e ricas”. “Acreditamos que, no futuro, as pessoas poderão usar tecnologia como essa para revisitar momentos e lugares que são importantes para elas, com pessoas com as quais se importam”, disse um porta-voz do Facebook.

É como abrir o álbum de fotos daquela viagem especial de forma viva e compartilhar experiências virtuais de forma que realmente geram significado em quem está vendo. É uma ressignificação das lembranças.


Assista à transmissão ao vivo (em inglês) aqui:

Se preferir a versão traduzida e comentada pelo Estevão Soares, mas sem o áudio original, veja aqui:

DIA 2

O segundo dia do F8 se concentrou nos investimentos em tecnologia de longo prazo que o Facebook está fazendo em três áreas: conectividade, Inteligência Artificial e Realidade Aumentada + Realidade Virtual. O diretor de tecnologia, Mike Schroepfer, deu o pontapé inicial, seguido pela diretora de engenharia Srinivas Narayanan, pela pesquisadora Isabel Kloumann e pela chefe de gerenciamento de produtos da Core Tech, Maria Fernandez Guajardo.

schrep_f8keynote_2018_jenniferleahy-92

Desde os avanços em trazer conectividade para mais pessoas em todo o mundo, até os avanços de pesquisa de ponta em Inteligência Artificial para o desenvolvimento de experiências totalmente novas em Realidade Aumentada + Realidade Virtual, o Facebook continua a construir novas tecnologias que devem aproximar ainda mais as pessoas ao longo dos próximos anos.

Eles destacaram como Facebook está se antecipando para obter reports antes mesmo de receber denúncias. Há duas maneiras de classificar conteúdo ruim, como vídeos terroristas, incitação ao ódio, pornografia ou violência fora do Facebook: derrubá-lo quando alguém o sinaliza ou o encontra proativamente usando a tecnologia. Ambos são importantes. Mas os avanços na tecnologia, incluindo inteligência artificial, aprendizado de máquina e visão computacional. Isso significa que agora é possível:

Remover conteúdos ruins com mais agilidade, porque nem sempre o Facebook precisa esperar que eles sejam denunciados. No caso do suicídio, isso pode significar a diferença entre a vida e a morte. Porque, assim que a tecnologia identificar que alguém expressou pensamentos de suicídio, é possível oferecer ajuda ou acionar socorristas, o que o Facebook já fez em mais de mil casos.

Como anunciado há duas semanas, no primeiro trimestre de 2018, por exemplo, o Facebook removeu proativamente quase dois milhões de conteúdos do ISIS e da al-Qaeda – 99% dos quais foram retirados antes que alguém o denunciasse.

Mas, esse trabalho também requer um olhar humano. Por isso, está sendo ampliada a capacidade da equipe do Facebook na revisão desse conteúdo para entender o contexto ou as nuances de uma situação específica. Por exemplo, alguém está falando sobre seu próprio vício em drogas ou encorajando outras pessoas a consumir drogas?

“Milhões de contas falsas são removidas proativamente por sistemas automatizados todos os dias.” -Mike Schroepfer, Diretor de Tecnologia do Facebook

f8_facebook

Nudez e violência gráfica: esses são dois tipos muito diferentes de conteúdo, mas o Facebook está usando melhorias na visão computacional para remover proativamente os dois.

Discurso de ódio: Compreender o contexto da fala geralmente requer olhos humanos – algo odioso ou está sendo compartilhado para condenar a fala de ódio ou aumentar a conscientização sobre ela? A tecnologia está sendo usada para detectar de forma proativa algo que possa violar as políticas, começando com determinados idiomas, como inglês e português. Em seguida, as equipes vão analisam o conteúdo para que fique tudo bem. Por exemplo, alguém descreve o ódio que encontrou para aumentar a conscientização sobre o problema.

Contas falsas: Foram bloqueadas milhões de contas falsas todos os dias quando são criadas e antes que possam causar algum dano. Isso é incrivelmente importante na luta contra spam, notícias falsas, desinformação e anúncios ruins. Recentemente, a inteligência artificial começou a ser usada para detectar contas vinculadas a golpes financeiros.

Spam: A grande maioria do trabalho de combate ao spam é feita automaticamente usando padrões reconhecíveis de comportamento problemático. Por exemplo, se uma conta estiver sendo postada várias vezes em rápida sucessão e for um sinal forte, algo está errado.

Propaganda terrorista: A grande maioria deste conteúdo é removida automaticamente, sem a necessidade de alguém denunciá-lo primeiro.

Prevenção do suicídio: Conforme explicado acima, é identificada proativamente postagens que podem mostrar que as pessoas estão em risco para que possam obter ajuda. A inteligência artificial, por exemplo, é muito promissora, mas o Facebook ainda está a anos de ser eficaz para todos os tipos de conteúdo ruim, porque o contexto é tão importante. É por isso que ainda pessoas revisam relatórios.

Inteligência artificial

Para o Facebook, a Inteligência Artificial é uma tecnologia fundamental, por isso, a empresa realizou investimentos profundos por meio de pesquisas direcionadas por cientistas. Por exemplo, as equipes treinaram com sucesso um sistema de reconhecimento de imagens em um conjunto de dados de 3,5 bilhões de fotos publicamente disponíveis, usando as hashtags dessas fotos no lugar das anotações humanas. Essa técnica permitirá que os pesquisadores escalem seu trabalho muito mais rapidamente, e eles já a usaram para obter uma alta precisão recorde de 85,4%. Esse trabalho contribuiu para melhorar a capacidade do Facebook em identificar conteúdo que viola suas políticas conforme os descritos no texto acima.

Mike Schroepfer falando sobre o trabalho de reconhecimento de imagem do Facebook

Mike Schroepfer falando sobre o trabalho de reconhecimento de imagem do Facebook, que terá uma versão de código fonte aberto.

 

Um kit, o PyTorch 1.0, estará disponível em versão beta nos próximos meses, disponibilizando as ferramentas avançadas de pesquisa de Inteligência Artificial do Facebook para todos os desenvolvedores. Com ele, será possível colocar uma superposição de malha poligonal completa nas pessoas à medida que elas se movem em uma cena.

 

Realidade Aumentada + Realidade Virtual

Os avanços do Facebook em RA e em RV se baseiam em diversas áreas de pesquisa que ajudam a criar melhores experiências compartilhadas, independentemente da distância física. Desde capturar ambientes de aparência realista até produzir avatares de última geração, eles estão mais perto de fazer experiências de AR / VR parecerem realidade.

Cientistas criaram um sistema protótipo que pode gerar reconstruções em 3D de espaços físicos com resultados surpreendentemente convincentes. O vídeo abaixo mostra uma comparação lado-a-lado entre a gravação normal e uma reconstrução em 3D. É difícil dizer a diferença. Dica: procure o pé do operador da câmera, que aparece apenas no vídeo normal.

Ambientes realistas são importantes para criar AR / VR mais imersivos, mas também são avatares realistas.O grande objetivo é ajudar os computadores a gerar avatares fotorrealistas.

Maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaas, esses avanços em AI e AR / VR são relevantes apenas se você tiver acesso a uma forte conexão à Internet – e atualmente existem 3,8 bilhões de pessoas em todo o mundo que não têm acesso à Internet. Mike Shroepfer destacou que no mundo existe mais de 3,8 bilhões de pessoas que não têm acesso à internet e pr isso, o Facebook está empenhado em melhorar o acesso ao investir em infra-estrutura de comunicação.

f8_facebook1

Para aumentar a conectividade em todo o mundo, o Facebook está desenvolvendo tecnologias de última geração que podem ajudar a reduzir o custo da conectividade para alcançar os desconectados e aumentar a capacidade e o desempenho para todos os outros. Em Uganda, eles firmaram uma parceria com operadoras locais para trazer novas fibras para a região que, quando concluídas, fornecerão conectividade de backhaul, cobrindo mais de 3 milhões de pessoas e possibilitando a conectividade transfronteiriça futura para os países vizinhos. Enquanto isso, funcionários do Facebook e da City of San Jose começaram a testar uma rede Wi-Fi avançada suportada pelo Terragraph planejados para a Hungria e a Malásia. Centenas de parceiros estão sendo trabalhados no Projeto Telecom Infra para criar e lançar uma variedade de soluções de infraestrutura de rede inovadoras e eficientes.

Assista à keynote (em inglês) do segundo dia:

Assista à live do Estevão Soares com tradução e comentários:

Gostou do post? Compartilhe!

camila-carvalho-avatar (1)

💁‍♀️  Jornalista, especialista em marketing. Falo sobre redes sociais e uso consciente da tecnologia. 🧠   

NEWSLETTER

EDITORIAS

Fica de 👀  no seu e-mail que eu tô chegando com uma news lindinha. Me tira do SPAM, hein? 😇