Produção de fotos ou banco de imagens: o que usar nas redes sociais?

Produção de fotos ou banco de imagens: o que usar nas redes sociais? Quando o assunto é produção de conteúdo, minha mente já produz automaticamente a resposta dessa pergunta. Mas, antes, eu preciso contextualizar um pouquinho para que as diferenças fiquem evidentes.

Pelo menos duas vezes ao ano, eu faço uma sessão de fotos. Já fiz na praia quando morava no litoral, no centro da minha cidade e no escritório várias vezes. Como minha escolha estratégica inclui usar a minha imagem e o meu nome como minha empresa, é natural que eu apareça na condução das postagens com frequência. Porém, aqui no blog uso muito o banco de imagens do CANVA PRO e acho ok para o objetivo proposto.

Nas redes sociais, preciso de conexão. Para gerar o reconhecimento nas pessoas que me conhecem ou não, preciso usar a humanização para facilitar o encantamento. O olho a olho se encontra e a chance de gerar um sentimento positivo aumenta consideravelmente. Já no blog, as pessoas precisam ler os textos, as imagens são complementares. Elas dividem espaço com vídeos e muitas vezes podem até roubar a atenção da leitura. Elas funcionam como um complemento. A escrita é a estrela. Nas redes sociais não. A gente é impactado primeiro pela imagem.

Todas as minhas experiências com clientes de varejo, inclui uma diária minimamente mensal para a produção de imagens. Hoje tenho esse serviço incluso em alguns escopos ou trabalho com a indicação do profissional. Mesmo que o negócio represente uma loja de roupa, calçados, serviços de qualquer natureza, profissional autônomo… Gerar imagens próprias é sempre a melhor opção.

Banco de imagens é mais barato?

Não é verdade que o banco de imagens é mais barato. Depende muito. A mensalidade do Shutterstock para 50 imagens custa U$ 125, convertendo hoje para o real, com o dólar a R$5,70, o valor fica emR$700. Com esse investimento, é possível encontrar profissionais que façam uma sessão de 3h ou 4h e que resulte em nada mais, nada menos que 100 a 200 imagens próprias, dependendo do grau de complexidade e nível de organização/planejamento.

Outra opção que é o CANVA PRO, custa R$34 mês. Muito mais em conta. Isso significa que muito mais pessoas também estão usando essas imagens que não são únicas.

Não podemos subestimar o poder da comunicação visual. Confúcio, filósofo chinês tem uma expressão super famosa: “Uma imagem vale mais que mil palavras.” O que a maioria das pessoas não sabem é que ele viveu muito antes de Cristo. Ele se referia a ideogramas, que são símbolos utilizados na escrita usada pelas civilizações antigas.

O que você quer aprender sobre redes sociais? Deixa aqui nos comentários. Um beijo e até o próximo video.

Se inscreva na minha Newsletter!

Sem spam, só o que interessa sobre a Vida de Social Media.

Redes Sociais

Mais artigos

Posts recentes

Como BAIXAR Ícones e em PNG no Flaticon

Hey, social media! Você que sempre procura por ícones focinhos para usar nas publicações, trago uma dica. O Flaticon tem zilhões de ícones e disponibiliza individualmente alguns grátis e outros

Fica de 👀  no seu e-mail que eu tô chegando com uma news lindinha. Me tira do SPAM, hein? 😇